Raide Ibérico Resistência TT 2013

classificacoes
Fotos-Raid-Ibérico-2013
fotospilotos
dvdpromo
Classificações Fotos da Prova Fotos dos Pilotos DVD Promo

Miguel "Miguelito", Hélio Raposo, Tó Preto e Paulo Vieira, foram os primeiros "reis" do "império dos Furões

A prova de resistênciaTT - 1º Raid Ibérico Furões de Vimioso, tornou-se naquilo a que a sua verdadeira nomenclatura traduz: Verdadeira RESISTÊNCIATT!!!
As 30 motos e 30 moto4 que esgotaram uma semana antes as inscrições compareceram bem cedo, mas com eles veio a chuva que quis marcar presença do início ao fim.
Antes da prova em si, tempo para o prólogo (2500 mts) para definir a ordem de partida e fazer algumas afinações de comportamento ás máquinas. Privilégio para o público, pois este desenrolava-se numa zona bem visível com vários ganchos, subidas, retas amplas e até uma travessia de um riacho.
Antes de dar início à Resistência de hora e meia, a Organização autorizou as motos e moto4 a efecturar uma volta de reconhecimento atrás do veículo 00, o ATV da Organização.

MOTOS:

  • Pelas 14h00 dá-se inicio à prova de Motos nas suas classes M1 e M2. Os pilotos partiam de 5 em 5 segundos e iniciavam assim a prova de "RESISTÊNCIA", com a palavra bem vincada, já que o céu, incessável, descarregava água de forma constante. Apesar do circuito estra marcado numa zona firme e dura, o barro começava aparecer.
  • O público, a pesar do tempo(ral), comparece em grande quantidade para presenciar esta prova. A maior parte concentra-se na Zona de Espetáculo, mas também alguns na restante zona envolvente, sobretudo nas zonas de maior dificuldade para os pilotos. As motos começaram cedo a parar nas assistências, sobretudo para trocar constantemente os óculos e luvas.
  • Depois de 1h30 decorridos, a vitória nas classes couberam aos veteranos. Quem sabe nunca esquece.

Na Classe M1, venceu o piloto de Bragança António PRETO (Beta RR350), seguido do Espanhol Diego RODRIGO (Honda CRF 450x) e o piloto da casa numa 2tempos Ricardo DIZ (Suzuki RMZ 250).
Na Classe "menor" mas bem lutadora, o pódio foi totalmente português, com a vitória para o experiente Paulo Vieira (Yamaha YZF 250) seguido pelo Paulo Teixeira (KTM exc 125) e com o último lugar do pódio para Carlos Teixeira ( Kawasaki KX 250).
Caras de cansaço e esgotamento dos primeiros a chegar. Afinal de contas foi uma prova extremamente dura e desgastante. Para muitos pilotos, acabar já seria por si só um êxito. Mais apreciável eram as caras de satisfação dos mais "amadores" que chegaram ao fim desta prova, pois para alguns era a sua primeira vez.

QUAD:

  • Chegava a vez dos Quads, ou Moto4 como se denomina em Portugal. Muitas caras conhecidas do mundo da competição, tanto portugueses como espanhois. Um dos favoritos à vitória e que marcou o melhor tempo do prólogo, Miguelito "CUSTOMQUAD", estava com apetite de vencer. Comentava-nos que tinha treinado intensamente para o Campeonato TT de Portugal e esta prova seria a ideal para por à prova a sua condição física, para além de gostar de competir lada o a lado com os bons pilotos espanhois que se apresentaram em Vimioso.
  • Entre os ditos pilotos espanhois, encontrava-se Ramón MONTOYA, contrariado por não poder contar com a nova Polaris SCRAMBLER 850XP e apresenta-la, como estava previsto, nesta prova dos Furões de Vimioso. No entanto, como não queria perde-la, resolveu participar com o seu ATV de passeios, uma Yamaha Kodiak 400.

Un dos pilotos, candidatos à vitória, era o Galego piloto OfTrack, Toni TRILLO. Porém (recentemente pai), desde a Taça Iberica, no mês de Novembro, que não tinha voltado a competir, o que tornaria essa condição dificílima. O que mais nos chamou a atenção foram os 2 pilotos de QuadCross espanhol que se alistaram pelo "TeamRacing Pardo/Iglesias. Trata-se do Kike PARDO que iria participar pela primeira vez numa prova de TT/Raid resistência em que se via muito animado para esta nova "aventura". O outro era Miguel Angel IGLESIAS, presença assídua nos PasseiosTT dos Furões. De realçar o nobre gesto em oferecer um lote de produtos de enchidos Paulino Iglesias à Organização para entregar à melhor piloto feminina. Victor FERNANDEZ, assíduo em provas Portuguesas, sobretudo a Baja Portalegre, também se apontava como candidato à vitória, apesar do mau tempo que a equipa de cronometragem "resolveu" atribuir-lhe. Da zona Madrilena, o nome sonante era o de José VICENTE "ZORRETE", que integrou a forte equipa Guadamoto com um Staff de 18 pessoas para assistência ao seu quad e 5 motos.
Mas o que realmente predominava era os pilotos mais amadores, alguns a batizar-se em provas.

  • Pelas 16h00 dava-se a partida aos quads, separados por 5 segundos. MIGUELITO sai á frente de TRILLO e VICENTE e logo atrás destes os restantes 27 quads, entre eles o da única "dama" Ana Sofia aos comandos de uma KFX 450. Dois deles em ATV/4X4, Ramón MONTOYA e Martin MAYOR num potente Renegade 800Xc. Entre o pelotão, na classe Q2, todos os quatro pilotos alinharam com Suzukis LTZ 400.

Primeira passagem pela meta, o espanhol Toni TRILLO cola-se a MIGUELITO e pouco mais atrás José VICENTE com a sua "laranjinha" não pretende perder de vista as duas LTR450. Mais atrás o piloto "Brigantino" Sérgio MONTEIRO e Daniel SILVA dão aperto ao 3º lugar com mais LTR's.
Durante quase meia hora, posições da frente teimavam em não se alterar até começar a entrarem nas assistências. Desta forma TRILLO passa para a frente, mas a sua cara de sofrimento permite ao português MIGUELITO ultrapassa-lo e a partir daí não permitiu mais ninguém adiantar-se-lhe até à bandeirada de xadrez. Uma exelente corrida do homem da Speddfreack/Racepunk que demonstrou que está numa condição extraordinária e com força para atacar as provas do Campeonato TT de Portugal.
Toni TRILLO, com fortes dores nos olhos produzidos pela intensa lama, conseguiu segurar a 2ª posição, motivo pelo qual não lhe permitiu atacar mais o lugar cimeiro.
O último lugar do pódio foi para o "bravo" piloto da KTM José VICENTE, também piloto OfTrack, que lutou intensamente para segurar esta posição perante os constantes ataques do Daniel SILVA que se ficou pela 4ª posição.
De destacar o 5º lugar do piloto da "casa" (sócio dos Furões) #46 Tiago ROBERTO com uma LTR de origem, sobrepondo-se ao piloto da Kawasaki #41 Daniel MONROY e ao português #48 "PASTEL" também em LTR.
De salientar o piloto Daniel MONROY que ao obter o 6º lugar referia que a pesar da dureza da prova ainda se sentia com forças para dar mais uma volta! Alberto TOBA, amigo e piloto da mesma equipa que o 2º classificado Toni Trillo, que participou pela primeira vez numa prova, estava radiante por terminar na 18º posição.
Uma pena para Miguel Angel IGLESIAS que não conseguiu reparar a sua Honda depois do prólogo.
O outro piloto de QuadCross, o jovem Kike PARDO saía de Vimioso satisfeito pela sua prestação, sobretudo por ter resistido e terminado uma prova à qual não está habituado. Na classe Q2 a vitória foi para o piloto experiente da casa (sócio) Hélio RAPOSO, que numa classificação geral ter-se-ia infiltrado no grupo dos 10 melhores. Uma importante vitória pessoal para o jovem piloto (17anos) de Vimioso a viver em Madrid, Telmo MORAIS a conseguir um brilhante 2º lugar. O último lugar do pódio foi para o único piloto espanhol do Squadron de Zamora.
Pedro FERREIRA, piloto da mesma equipa que Tiago Roberto (5º Q1) Os Caramonicos, teve de abandonar por motivos de vários furos registando assim o último lugar da classe. De notar que os últimos 3 jovens pilotos efectuaram pela primeira vez uma prova de competição. A primeira de muitas, segundo suas palavras!

  • Ramon MONTOYA, o piloto com mais provas em raids e resistências de todos, com a sua regularidade venceu na classe Q3, mas com Martin MAYOR "mordendo-lhe" constantemente os calcanhares até ao fim, deixando antever, caso se anime a participar com mais regularidade, boas capacidades em ganhar algumas provas na sua classe, pois mostrou estar á altura tanto fisicamente como em técnica.
  • Magnífica prova realizada pela Piloto Feminina com sua Kawasaki KFX 450, Ana SOFIA, já que pela dureza da prova, conseguiu-a superar com um andamento forte quando necessário e reservando forças onde permitido.

Desenvolvido por: multimobile